"Vença a si mesmo e terá vencido o seu próprio adversário." (Provérbio japonês)

Meus Blogs não são atualizados com frequência, mas há muito muito texto legal no arquivo.

Fique á vontade!!



Rejane

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

É bom falar pouco; melhor ainda é nada dizer.



É bom falar pouco; melhor ainda é nada dizer, a não ser que estejas seguro de que o que pretendes dizer é verdadeiro, amável e útil. Antes de falar, pensa cuidadosamente se o que pretendes dizer preenche essas três qualidades; se assim não for, não o digas. 
                                                   
                    (J. Krishnamurti)





“Eu jamais iria para a fogueira por uma opinião minha, afinal, não tenho certeza alguma. Porém, eu iria pelo direito de ter e mudar de opinião, quantas vezes eu quisesse.”
Friedrich Nietzsche


                      O SÁBIO


por Hellen Katiuscia de Sá


Ser sábio é saber ouvir o outro, mesmo se o que diz é diferente do que acredita ser a sua verdade. É aceitar que existem diferenças de pensamentos. É não julgar seu companheiro, mas tentar compreender suas limitações. Tentar ajudá-lo se ele pediu e lhe deu permissão para fazer parte de sua vida.

Ser sábio é compartilhar o que acha que vai ajudar seu irmão a encontrar-se, através do Amor, mas não direcioná-lo para algum lugar que não seja de seu próprio conhecimento.

Ser sábio é não diminuir os outros com sua suposta sabedoria, mas sim, procurar dar as ferramentas para o outro pensar e tirar suas próprias conclusões. Ser sábio é ser humilde em aceitar que não se sabe de nada, até alguém lhe mostrar ou você mesmo descobrir que não sabe de tudo ou de nada, mesmo!

Ser sábio é ser coerente em sua forma de pensar e agir mediante suas verdades adquiridas e conquistadas pelo esforço pessoal por meio de sua capacidade de raciocínio e de discernimento entre o certo e o errado. Não passar do limite do "não faça aos outros o que não quer para si próprio".

Ser sábio é ter o silêncio como conselheiro e poder ouvi-lo em meditação constante, mas não separada do ritmo da vida. Da sua vida, não dos outros. Saber ouvir antes de falar.

Ser sábio requer algo a mais: conseguir serenar seu coração para que possa ouvir a voz do Amor que brota dele através da Força do Universo, que muitos chamam Deus.

O sábio ama a vida porque sabe que a vida que vê é a face de Deus que ele não conhece, mas sente que é, porque pondera e escuta a voz do silêncio de sua própria alma.

Ser sábio é ter o Amor como seu guia e o raciocínio como argumento desse Amor. Ser sábio é não agredir ninguém física nem psicologicamente em prol de sua suposta verdade. Ser sábio é falar quando lhe pedem e silenciar para os outros também falarem.




Por: Osho 
em Tao, sua História e seus Ensinamentos. 


"Assim, o primeiro a ser entendido é que o conhecimento e a sabedoria são diferentes.

Conhecimento é informação, sabedoria é entendimento; 


O conhecimento é coletado de fora, a sabedoria é um crescimento interior
; o conhecimento é tomado de empréstimo, a sabedoria é sua, autenticamente sua; o conhecimento é aprendido, a sabedoria não é aprendida de ninguém.

Você precisa ficar mais alerta, de tal modo que possa perceber mais, sentir mais, ser mais. Sabedoria é ser, conhecimento é apenas um acúmulo periférico.

Um outro ponto: quando você é uma pessoa de conhecimento, quando armazenou muito conhecimento, seu ego fica fortalecido, e você pensa: "Sei muita coisa". E o ego é uma das barreiras a percepção da realidade; ele não é uma ponte, pois fica desconectada, em vez de conectar.

Quado você é uma pessoa de sabedoria, o ego desaparece, pois uma pessoa de sabedoria descobre que não existe nada que você possa conhecer. Como você pode conhecer? A vida é tão misteriosa, tão imensamente misteriosa, não há como conhecê-la realmente.

Se você puder conhecer apenas a si mesmo, isso é mais do que suficiente, mais do que se pode esperar. Se uma pequena luz acende no seu coração e o seu ser interior se torna luminoso, isso é mais do que suficiente. E é isso que é necessário; nessa luz, você fica ciente de que a realidade é um mistério supremo e é isso que queremos dizer quando usamos a palavra Deus. Deus significa exatamente a mesma coisa que natureza, com apenas uma diferença. No conceito de natureza está implícito que, se ela não foi conhecida até agora, será conhecida mais tarde; mas ela pode ser conhecida, é passível de ser conhecida; esse é o significado da palavra natureza.

Teoricamente, a natureza é passível de ser conhecida. (...) Ao usar a palavra Deus, ou divindade, passamos para outra dimensão, dizemos que algo é conhecido e ainda existe mais para se conhecer, sempre permanecerá incognoscível, algo será para sempre indefinível.

O mistério é vasto, é infinito e somos parte dele. Então como a parte pode conhecer o todo? Isso é impossível, a parte não pode conhecer totalmente o todo, só pode conhecer até um determinado limite.

Uma pessoa de sabedoria entende o mistério da vida e é por isso que Buda permaneceu em silencio sobre a vida; ele não disse uma única palavra sobre ela. (...)

A verdade nunca é conhecida totalmente. Você a sente, você a vive, você tem grandes experiências com ela, grandes visões, grandes mistérios abertos, mas cada mistério o leva a outros mistérios. À medida que cada parte se abre, você percebe que mil e uma portas ainda estão esperando para serem abertas. Cada porta o leva a novas portas, então como você pode expressá-la? (...)

Uma pessoa de conhecimento fica declarando que sabe tudo, essa é a prova da sua ignorância. Só uma pessoa ignorante diz que sabe; o sábio sempre diz que não sabe, este é o sinal, a indicação da sua sabedoria.

Mais um ponto importante; quando você sabe algo divide a realidade em conhecedor, conhecido e conhecimento. Imediatamente a realidade fica dividida em três coisas. ( ...)

O conhecimento divide, e o que divide não pode levá-lo a verdade suprema. A sabedoria unifica; na sabedoria a pessoa não sabe quem é o conhecedor, quem é o conhecido e o que é o conhecimento.

É por isso que na sabedoria você se torna um místico, torna-se uma coisa só com a realidade, perde todas as distinções, as diferenças, as fronteiras, as definições.
Na sabedoria você fica indefinido, tão indefinido quanto a própria realidade."



"Demore na dúvida...E descubra a sabedoria que insiste em se esconder na ausência de palavras."

                  Padre Fábio de Melo


2 comentários:

  1. Lindo e sabedoria pura realmente! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita.
Volte sempre!!
Rejane

Visite meu arquivo .

Textos no arquivo :


"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe





"Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!"



Clarice Lispector