"Vença a si mesmo e terá vencido o seu próprio adversário." (Provérbio japonês)



“Presos ou soltos, nós, seres humanos, somos muito cegos e sós. Quase nunca conseguimos transcender os nossos estreitos limites para enxergar os outros e a nós mesmos sem projetar o nosso próprio vulto na face alheia e a cara dos outros na nossa.”


"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe





"Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!"



Clarice Lispector



sábado, 8 de dezembro de 2012

DESPEDIDA DE UMA MAGISTRADA.




DESPEDIDA DE UMA MAGISTRADA.

Uma decisão, uma escolha!!

Texto de autoria desconhecida.
(  Encontrado na NET )







MULHER, MÃE E JUÍZA.


"Resolvi deixar a toga. Estou aposentando a partir do próximo dia 04 . Venho me despedir dos amigos.

Esta lista sempre foi uma espécie de encontro, silencioso e necessário. É um jeito de a solidão 
da gente diluir entre outras, um jeito de se sentir igual, ou mais igual que outros. De repente descobri que fazia parte disto tudo, das derrotas e das vitórias, dos sonhos e das desilusões, do orgulho e da vergonha, da raça e do desânimo. E quem fui eu neste enredo?

Alguém que insistiu em deixar um rastro de vitórias, um desenho de Justiça, Humanidade, Respeito, Dignidade, Orgulho. 

Alguém que vestiu sua toga meio desajeitada com o tamanho dela, como quem tem manequim 40 e veste um modelo 56, se sentindo sempre como se ela fosse emprestada.

Alguém que chegava ao Fórum às 8:00, saía as 21:00, fazia audiências, despachava, sentenciava, resolvia os inúmeros - incontáveis? - problemas da infância tão relegada, fiscalizava entidades, se comovia com os idosos, as crianças, como se não fosse duro o coração que também lidava com o crime. 

Alguém que atravessou a adolescência dos filhos sem perceber, acompanhou por telefone, enquanto cuidava dos filhos de outras Marias,

que via os netos crescendo pelas fotos da internet,

que se despedia da família que saía de férias e passava as suas dentro do gabinete, que tomava remédios receitados pelo Google porque não podia perder tempo na sala de espera de um médico,

que fazia as unhas enquanto assistia ao Fantástico porque nunca tinha para sua vida uma só hora de seu dia,

que não sabia o que tinha na geladeira de sua casa, quando chegava não passa por lá, desmaiava de cansaço;

Alguém que não usava terno nem gravata, tem um metro e meio de altura e ainda tinha quem chamava de “Excelência”???????

Alguém que hoje sai pela porta da frente, a mesma por onde entrou, sem manchas, sem rastro, sem desídia, sem se arrepender de nada porque este “nada” foi “tudo” que entregou a um sonho, sem reservas.

ESTOU INDO EMBORA.... VOU PRA PASÁRGADA, MAS JÁ SEI COMO FAZER PARA NÃO PRECISAR SER AMIGA DO REI.

Vou sem toga, sem salto alto e meia fina.

Vou sem medo, sem precisar vigiar, sem ninguém me vigiando.

Vou ser alguém do avesso ou do direito, ninguém precisa saber.

Vou passar meses na casa dos filhos, se as noras me aguentarem, diferente do que fiz com os filhos, ver meus netos crescendo...

Vou me apaixonar perdidamente pelo homem que está a meu lá há 32 anos, metade deles me esperando na casa que manteve arrumada me esperando chegar.

Vou renascer, crescer, multiplicar, refazer.

Vou VIVER!!!!!!!!!!! APENAS VIVER!!!!!!!!!!

O que eu deixei de fazer porque acreditei na carochinha, no bicho papão, papai noel .... com suas promessas benditas, descumpridas, reaproveitadas.....fica assim mesmo, “sem fazer”.

O que fiz, e ninguém viu, fica assim mesmo, “invisível”, nunca adiantou mostrar.

Por fim eu agradeço, sinceramente - porque se não fosse assim essa minha franqueza deseducada não me deixaria dizer – aos que estiveram comigo quando precisei. Quando meu filho quase morreu muitos me deram a mão. Quando perdi minha mãe, me disseram palavras boas. Do fundo do meu coração, obrigada.

Deus os abençoe. Não sei porque, mas sempre tenho o hábito de dizer “Deus te abençoe”. Tanta mania a gente tem. Guardei muitas pela vida. Perdi só um pouquinho, quase perdi a mais antiga: a de achar que eu posso ser feliz.

E lá vou eu!!!!!!!!!!!!!!!!! Na minha ida sem arrependimento, finalmente sem volta!

Deixo um beijo pra ser distribuído com quem quiser, um carinho. É sincero, creiam."






+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita.
Volte sempre!!
Rejane

"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe "Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!" Clarice Lispector

Textos no arquivo :

Visite meu arquivo .