"Vença a si mesmo e terá vencido o seu próprio adversário." (Provérbio japonês)




sexta-feira, 19 de março de 2010

Como Combater A Inveja .

   
http://frasesilustradas.files.wordpress.com/2009/07/inveja3.jpg


Por : Marcelo Marinho


Estamos num mundo onde somos invejados e, (grande número de pessoas), invejamos. Por quê a inveja toma tamanho volume em nossas vidas e mentes? Por quê tememos a inveja e procuramos nos proteger dela? Por quê a inveja é importante.
            Se você é invejado erga as mãos para o céu e agradeça. 

Uma pessoa pensa 95% do tempo em si mesma. Quando pensamos em alguém nos nós inserimos sempre dentro deste pensamento e, portanto, estamos pensando em quem? A resposta é: nós. Você geralmente pensa em si próprio mesmo pensando em outra pessoa porque se insere no contexto.
            Quando alguém sente inveja de você sua personalidade foi notada, seu sucesso percebido, seus resultados apareceram. Quem te inveja gostaria de ser você em algum aspecto. Seu valor é indiscutível para o invejoso, ele, sem saber inconscientemente, te admira. É seu fã. Está enviando energias para em sua direção. Ser notado numa sociedade onde a maioria das coisas e transitória e somos apenas números possui uma importância impar para qualquer pessoa.
            É pouco falado que a inveja é neutra. Ela não é negativa ou positiva. João inveja Carlos porque ele tem um casamento divino e João nunca deu certo no amor. Carlos inveja João pela casa, carros e dinheiro no banco. João resolve observar Carlos, descobrir o segredo do sucesso amoroso, felicita na própria mente e alma a felicidade de Carlos e pensa: se ele é feliz no amor eu também posso ser e vou procurar esse caminho. João descobre o segredo, arranja um belíssimo amor e vive feliz sua nova vida permitindo que Carlos continue feliz. Quem ganhou? Ambos os dois, João achou um caminho e Carlos tem a admiração de João. Carlos olhava João e pensava que o outro era tão rico e ele contava moedas, vejamos o pensamento de Carlos: “por quê existe tanta injustiça no mundo? João é feio, nem é tão inteligente assim e eu sendo Carlos bonito, inteligentíssimo, alerta, pronto para oportunidades e um sujeitinho como João consegue muito mais do que eu? Deus criou o mundo de cabeça pra baixo ou nem existe. Se as coisas fossem do meu jeito o mundo estaria funcionando. Se eu mandasse em tudo o João seria um faxineiro e eu o dono de tudo. Eu ficaria verdadeiramente satisfeito se o João perdesse tudo e assumisse o lugar criado para ele, pena que eu não mando no mundo”. Carlos desconhece uma simples verdade: você é o que imagina ser. O que o pensamento de Carlos gera nele próprio? Eu sou um inferior porque se eu fosse Eu mesmo, positivo e criado por Deus, conseguiria o mesmo que o João e até mais. Carlos se acha um coitado e usa sua inveja negativamente. Quem ganha? Ninguém. Carlos permanecerá pobre e gerando pobreza em sua vida e João permanecerá rico, gerando mais riqueza e bem casado.
A inveja pode ser usada positivamente e faz o mundo se movimentar, criar riqueza e contentamento ou usada negativamente gerando pobreza e insatisfação. Querer o que o outro tem permitindo que o outro continue tendo é inveja positiva, querer o que o outro tem desejando que o outro perca o que tem é plantar a semente da perda dentro do próprio coração. É inveja negativa.
Se a inveja possuísse alguma força, ninguém seria milionário, bem casado, bem sucedido, saudável, poderoso, etc. O Bill Gates na riqueza que possui é uma das pessoas mais invejadas do mundo e nem por isso ele fica pobre, mais pobres ficam aqueles que invejam negativamente o Bill Gates, os que o invejam positivamente procuram seguir seu exemplo. A inveja só possui força em sua vida quando você reconhece que ela tem força. E a força cresce na medida do reconhecimento. Se o pensamento é que ela tem muita força a força está dada, por você. Se o pensamento é que ela tem alguma força, alguma força ela ganha de você e se há o reconhecimento que não tem força alguma, a inveja alheia vira um cão vira-latas de feira que os meninos jogam laranjas podres no lombo. Isto não significa que devemos sair por ai ostentando nossas riquezas e proclamando a todos nossos planos. É difícil perceber o quanto à crença que a inveja tem poder sobre nós está impregnada em nossa mente, no nosso subconsciente. A riqueza que temos é para nós mesmos (ou estaria com outro que não é você). A riqueza do Bill Gates é dele e não sua, e você pode ser tão rico quanto ele porque existe tanta riqueza disponível para a humanidade que todos nós poderíamos ser ricos assim, toda a população da terra. Se esta idéia se impregnasse no inconsciente coletivo todo o destino humano seria alterado muito rapidamente.
Patuás, banhos de descarrego, superstições de qualquer gênero só estão afirmando em sua mente mais profunda que a inveja tem força em sua vida. Ninguém precisa disso. Deus não criou ninguém completamente desprotegido. Seu pensamento é seu guia e ele o leva a vitória ou ao fracasso. Quando se atribui força a um objeto, nomeando-o de patuá sua afirmação central é que você está desprotegido e que algo externo a você irá garantir sua segurança. Acreditar em semelhante besteira e dizer que se é fraco, vulnerável, atacável, desprotegido. Seu patuá é sua mente, a força de seu patuá imaterial é Deus. Que proteção a mais se necessita se o infinito o protege?
Foi tratado até aqui somente os invejados, mas acredito que os invejosos também leiam este escrito. Invejar não faz mal a ninguém se a inveja é positiva, o que você inveja positivamente já está a caminho de obter. Se você é um invejoso negativo a má notícia é que tudo o que você inveja negativamente foge para muito longe. Quando se deseja mal a alguém por inveja em primeiro plano você está desvalorizando tudo o que tem e se chegou a este ponto significa que trocaria o que tem pelo que deseja. Tudo é energia e o Universo desconhece o vazio. O que você desvaloriza vai embora também. O invejoso negativo não consegue o que inveja e vai perdendo o que tem. Contemple sua saúde, valorize seu casamento, reconheça seus bens. A novidade é que para ter a mais não é preciso dar nada ao Universo porque o Universo tem tudo e querendo ou não fazemos parte dele. O pensamento de para se ser algo é necessário dispor de algo é completamente absurdo. Se você tem um carro por quê não poderia ter dois? Se você tem saúde por quê não pode ser rico? O que é melhor, ser um rico saudável ou um saudável duro? O Universo está em expansão. Tudo que você pensa se expande, se você pensa em pobreza, o Universo facilmente cria pobreza para seu pensamento e sua vida, se pensa em riqueza a riqueza é criada, se valoriza o que tem diz ao Universo que quer mais disso e o Universo manda.
Quando se deseja que alguém se lasque pelo sucesso que tem o pensamento está sendo gerado não na mente do invejado e sim somente na mente do invejoso e o que gera é o que tem poder. Se existe o desejo que o outro se acidente, o acidente é gerado em quem pensou, quem produziu o desejo. Se o desejo é que o invejado perca tudo esta perda está sendo criada no campo vibracional do invejoso e ele está se abrindo a perder pouco, muito ou tudo.
A inveja tem poder quando o invejoso age. Quem te inveja negativamente pode fazer fofoca, te roubar, impor-se em sua vida. Feche a porta caso isso aconteça com você. Sua experiência lhe indicará como fazer e a inspiração divina apontará a solução. Você pode perder um pouco, mas perderá bem menos do que o invejoso negativo. Em geral o melhor caminho é não entrar no campo vibracional do invejoso. Um bom pensamento é: “sou invejado, que dádiva, significa que tenho valor. Ele está tentando me prejudicar, se sou invejado meu valor é inclusive reconhecido por esse invejoso, que força tão destrutiva ele poderia ter contra mim? De verdade, nenhuma, o que ele destruiu construo eu rapidamente e ele terá que fazer muito para atacar de novo. Eu gerei confiança nos que me cercam, ele gerou descrédito com as mentiras que disse. Ele permanece em queda e tem livre arbítrio para assim permanecer e Eu permaneço em ascensão. Devo ter fraquejado de permitir que ele me arranhasse só que ganhei experiência e dificilmente volto a ser atingido. Continuo feliz e integro.” Alguém pensando assim, qual será o resultado? Pode ter certeza que será bem além do esperado. Se nos incomodamos com o invejoso, convidamos ele para nossas vidas e fazemos exatamente o que ele espera. Frustrar os outros é ruim, mas frustrar a nós mesmos é a pior escolha.
Se você é um invejoso negativo e escolhe mudar isso porque já sofreu o bastante, comece valorizando tudo de bom o que tem e ignorando todo o negativo, quando o negativo vier a sua mente afirme que a situação está mudando. Depois comece a olhar as pessoas que você inveja e deseje as melhores coisas do mundo para elas, mais riqueza, saúde, amigos, felicidade no amor. Se você desejar isso e seu coração apertar é porque está desejando o contrário. Use um truque bem simples. Imagine que alguém que você acha que morre de ódio de sua pessoa está agora te desejando as melhores coisas do universo e receba isso como um presente. Na sua mente, se alguém pode desejar o seu bem, você também pode desejar o bem de outro. A mente acredita em tudo (até que patuá tem força). Depois do truque volte a desejar o bem dos que você odiava até seu coração começar a sorrir.
Quem invejou negativamente por longo tempo, perdeu amigos e afeições e pode ter ninguém que o ame. E se está nesse ponto, você ainda tem a pessoa principal, você mesmo. Passe a se amar, ache-se merecedor das melhores coisas, permita-se à mudança, doe-se completamente, veja-se como um sujeito que vale a pena ser amigo, que sempre poderá contribuir no sucesso de alguém e por causa e efeito o Universo lhe enviará de algum lugar a contribuição para seu sucesso. Você veio ao mundo para ser feliz, seja.
Se você é vitima eterna da inveja o problema está em você e não nos invejosos. Que valor é dado à inveja alheia? A vida é sua, se há a permissão que a inveja o atinja, a permissão é sua e não do invejoso. Valorize o que tem e ignore a possibilidade de perder devido à inveja alheia. Seu campo vibracional torna-se invulnerável, lembre-se que o que sua mente ignora não existe e se não existe não tem força.
A palavra final é que todos se invejem uns aos outros de maneira positiva. A inveja movimenta a economia, evita crises e faz paises crescerem, trás contentamento, felicidade. Inveje ao máximo entendendo que não existe somente um produto para ser invejado. Se seu vizinho tem uma casa grande, a sua pode ser maior e haverá casas para todos que invejam positivamente.










4 comentários:

  1. Quando dizemos que não nascemos felizes, podia-mos ao menos vir a sê-lo mediante a felicidade dos aoutros. A inveja priva-nos deste ultimo recurso .

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. O texto mais completo que já li sobre o tema.
    Perfeito, elucidativo e...convidativo. Faz pensar.

    Cresci ouvindo que "a inveja mata". Claro que é uma figura de linguagem, mas penso que adormeceu a auto-estima daquele que inveja, e estão à caminho da UTI os sentimentos nobres, de superação, gerando sofrimento em corações feridos, almas esfomeadas, espíritos endurecidos...invejados e invejosos, atacados e defendidos.Sofrem os dois lados, matam e morrem desnutridos de amor...

    Salvei o texto, é fantástico!!
    Bjos, adorei a escolha!

    ResponderExcluir
  3. Rejane. Hoje pude ficar mais tempo aqui no seu blog. Pode ler com calma os posts e confesso que adorei. O vídeo sobre o despertar da consciência, levando ao autoconhecimento é muito bom; o que fala sobre a inveja, idem. Enfim, estar aqui com você é sempre um grande prazer. Beijos, amiga e tenha uma semana feliz.

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita.
Volte sempre!!
Rejane

Visite meu arquivo .

Textos no arquivo :


"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe





"Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!"



Clarice Lispector