"Vença a si mesmo e terá vencido o seu próprio adversário." (Provérbio japonês)




terça-feira, 6 de setembro de 2016

Não faz bem viver sonhando e se esquecer de viver .






"Não faz bem viver sonhando e se esquecer de viver ."




Uma das cenas mais fortes e emocionantes do filme (livro ) Harry Potter.

"Espelho de Ojesed ou Espelho dos Invisíveis. É um espelho que não reflete a imagem da pessoa, mas sim o desejo mais profundo de seu coração.

O livro afirma que o Espelho de Ojesed é um "magnífico espelho, da altura do teto, com uma moldura de talha dourada, aprumado sobre dois pés de garra ".
O espelho tinha entalhado em sua parte de cima as seguintes palavras: erised strae hruo ytub ecaf ruoyt on woh si. Se lidas ao contrário, as palavras assumem a forma: I show not your face but your heart's desire, e em português, Não mostro o seu rosto mas o desejo em seu coração. Na primeira edição de Harry Potter no Brasil, somente a palavra Erised foi trocada por Ojesed; o resto da frase foi mantido como no original pela tradutora Lia Wyler. No entanto, em edições posteriores, a frase foi vertida para o português .


A primeira aparição do espelho se dá com Harry Potter escondendo-se do zelador, à noite, dentro de uma sala de aula. Ele encontra o espelho e surpreende-se ao ver que não via apenas a si, mas também seu pai, sua mãe e o resto de sua família, que sempre quis, mas nunca conhecera.

O amigo de Harry, Rony Weasley, também se mira no espelho, mas ele se vê como Monitor Chefe de Hogwarts e capitão do time de Quadribol, segurando a Taça das Casas. Esse era o seu desejo, já que, nascido numa grande família, tinha avidez por destacar-se em meio aos seus irmãos mais velhos.
Mas numa terceira visita de Harry à sala, ele encontra o diretor de Hogwarts, o sábio e bondoso Alvo Dumbledore, que explica como funciona o espelho, e pede a Harry que não volte a procurá-lo, usando argumentos que, no mundo "potteriano", são muito conhecidos.
O próprio Alvo Dumbledore afirma que, quando se mira no espelho, se vê segurando um par de meias. Diz que os anos passam e as pessoas insistem em lhe dar apenas livros.
Segue o trecho do capítulo XII do primeiro livro da série, de autoria de J. K. Rowling e tradução de Lia Wyler:
- Então, outra vez aqui, Harry?
Sentado em uma das mesas junto à parede estava ninguém menos que Alvo Dumbledore
- Então -[disse] Dumbledore, escorregando da cadeira até o chão para se sentar ao lado de Harry - você, como centenas antes de você, descobriu os prazeres do Espelho de Ojesed Deixe-me explicar [o que faz o Espelho]. O homem mais feliz do mundo poderia usar o Espelho de Ojesed como um espelho normal, ou seja, ele olharia e se veria exatamente como é, ele mostra-nos nada mais nem menos do que o desejo mais íntimo, mais desesperado de nossos corações

Porém, o espelho não nos dá nem o conhecimento nem a verdade. Já houve homens que definharam diante dele, fascinados pelo que viram, ou enlouqueceram sem saber se o que o espelho mostrava era real ou sequer possível .Peço que não volte a procurá-lo. Não faz bem viver sonhando e se esquecer de viver .


Como o espelho mostra o desejo mais profundo, Dumbledore usou-o para esconder a Pedra Filosofal de Lord Voldemort, o vilão da trama. Somente alguém que quisesse obter a pedra, mas não para usá-la, conseguiria tirá-la do Espelho. Esse é o caso de Harry no capítulo XVII do livro.

De acordo com o livro O Mundo Mágico de Harry Potter, de David Colbert, o espelho é um teste ao caráter das pessoas, ele é símbolo da vaidade e do egoísmo, mas só uma pessoa desprendida pode conseguir do espelho aquilo que mais quer."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita.
Volte sempre!!
Rejane

Visite meu arquivo .

Textos no arquivo :


"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe





"Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!"



Clarice Lispector