"Vença a si mesmo e terá vencido o seu próprio adversário." (Provérbio japonês)



“Presos ou soltos, nós, seres humanos, somos muito cegos e sós. Quase nunca conseguimos transcender os nossos estreitos limites para enxergar os outros e a nós mesmos sem projetar o nosso próprio vulto na face alheia e a cara dos outros na nossa.”


"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe





"Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!"



Clarice Lispector



sexta-feira, 5 de março de 2010

Enterre os não consigo da sua vida.


Por Chick Moorman

Enterrando os "não consigo"
Esta história foi contada por Chick Moorman, e aconteceu numa escola primária do estado de Michigan, Estados Unidos.



Tomei um lugar vazio no fundo da sala e assisti. Todos os alunos estavam trabalhando numa tarefa, preenchendo uma folha de caderno com idéias e pensamentos.


Uma aluna de dez anos, mais próxima de mim, estava enchendo a folha de "não consigo".
"Não consigo fazer divisões longas com mais de três números”. "Não consigo fazer com que a Debbie goste de mim."


Caminhei pela sala e notei que todos estavam escrevendo o que não conseguiam fazer. "Não consigo fazer dez flexões.", "Não consigo comer um biscoito só."


A esta altura, como a atividade despertara minha curiosidade, decidi verificar com a professora o que estava acontecendo e percebi que ela também estava ocupada escrevendo uma lista de "não consigo". Observando tudo, eu me perguntava por que estavam trabalhando com negativas, em vez de escrever frases positivas...


Os estudantes escreveram por mais dez minutos. A maioria encheu mais de uma página.
Depois de algum tempo os alunos dobraram as folhas ao meio e as colocaram numa caixa de sapatos, vazia, que estava sobre a mesa da professora.


Quando todos os alunos haviam colocado as folhas na caixa, Donna, a professora, acrescentou as suas, tampou a caixa, e saiu pela porta do corredor.
Os alunos a seguiram.
Logo à frente ela pegou uma pá. Depois seguiu para o pátio da escola. Ali começaram a cavar. Quando a escavação terminou, a caixa de "não consigo" foi depositada no fundo e rapidamente coberta com terra.


Trinta e uma crianças de dez e onze anos permaneceram de pé, em torno da sepultura recém cavada.
Donna então fez uma pequena oração: "Amados, que a expressão não consigo possa descansar em paz e que todos os presentes possam retomar suas vidas e ir em frente na sua ausência. Amém."


Ao escutar a oração entendi que aqueles alunos jamais esqueceriam a lição.
A atividade era simbólica: uma metáfora da vida. O "não consigo" estava enterrado para sempre.


Logo após, a sábia professora encaminhou os alunos de volta à classe e promoveu uma festa. A festa da libertação.


Depois disso, nas raras ocasiões em que um aluno se esquecia e dizia "não consigo", Donna simplesmente sorria e o aluno então se lembrava que "não consigo" estava morto e reformulava a frase.


Eu não era aluno de Donna. Ela era minha aluna. Ainda assim, naquele dia aprendi uma lição duradoura com ela. Agora, anos depois, sempre que ouço a frase "não consigo", vejo imagens daquele funeral da quarta série. Como os alunos, eu também me lembro de que "não consigo" está morto.


Pense nisso...


Se por acaso, na sua vida, você está sendo impedido de avançar por causa do sentimento do não consigo, faça como aquelas crianças da quarta série, enterre esse sentimento agora. Sem hesitação...


Não consigo vencer... Não consigo amar... Não consigo perdoar... Não consigo crescer no trabalho... Não consigo tirar notas boas... Não consigo me libertar de um vício... Não salvar meu casamento... Não consigo ter fé... Não consigo... Não consigo...


Quantos não consigo você solta diariamente...


Por quanto tempo você vai ficar amarrado, preso a um sentimento enganador?
Desta forma você mesmo vai condenando a sua existência ao fracasso, ao anonimato... E sem perceber, você vai enterrando os seus sonhos, a sua vida...


Liberte-se disso!
Em, Marcos 5:36b, Jesus nos diz: "Não temas, crê somente."
Não acredite na mentira da incapacidade ou da impossibilidade!
Enterre o não consigo!


Paulo em Filipenses 4:13, nos diz – "Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece."
Nós estamos acostumados a agir pela impulsividade, pela explosão dos sentimentos... E muitas vezes nos enganamos... Olhamos para as situações... e as avaliamos com nossos olhos humanos... Damos tanto valor aos empecilhos que nos esquecemos que temos um Deus que tudo pode e que trabalha por nós...


Em Isaías 64:4, a Palavra do Senhor nos diz: "Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de ti que trabalha para aquele que nele espera."


O nosso Deus trabalha para aquele que Nele espera... Basta que creiamos...
Preste atenção numa coisa... Quando nos sentimos fracos, se temos fé, aí é que somos fortes, porque Deus é a nossa força...


Em 2 Coríntios 12:10, Paulo diz "Porque quando estou fraco então sou forte"
Quando cremos, Deus nos fortalece... Nos capacita... Mas para que isso aconteça, temos que fazer a nossa parte...
Temos que renunciar, enterrar o não consigo...


Pare agora, nesse momento, e pense no que você acha que não consegue... E pense agora o contrário...
Posso mudar o meu casamento naquele que me fortalece...
Posso vencer o vício, naquele que me fortalece...
Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece...


Pense nisso...


A vitória depende de nossa postura. Ou acreditamos nela e lutamos com todas as forças ou nos enterramos e assistimos à vida passar...
Faça a escolha certa... Enterre o " não consigo" de sua vida e seja feliz!

Um comentário:

  1. Rejane, estou duplamente emocionada, e quero agradecer o gesto carinhoso, eu amei vizinhar contigo, é uma honra...muitíssimo obrigada pelas palavras elogiosas. Tudo que produzo, segue minha emoção, costumo dizer que tenho o coração na ponta dos dedos quando escrevo...

    Esta belíssima mensagem lembrou-me de algumas atividades em consultório, e do quanto funcionam e auxiliam a identificar, superar e modificar comportamentos. O texto é lindo, e deixa a lição principal: tendermos a olhar sempre a situação, o empecilho, a dor, e não suas lições...o que pode querer uma provação nos mostrar...
    Todo aprendizado se torna duradouro - como mostra o texto - quando a compreensão fica clara. E quantas vezes nos recusamos a ver? parece que a proporção de tudo se agiganta conforme nossas próprias criações mentais...e se fizéssemos o contrário, usando essa força poderosa para transformar dores, mágoas, sentimentos de impotência e desvalia, em grandes lições?? É possível, e somos capazes!!

    Adorei a lição que tive reavivada hoje, aqui neste teu cantinho tão gostoso de ficar...obrigada, querida!!
    Um beijo e ótimo fds pra vc!

    * Bem-vinda pós-férias, estava sentindo falta de tua presença!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita.
Volte sempre!!
Rejane

"Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma... Todo o universo conspira a seu favor!" - Goethe "Sou sempre eu mesma,mas com certeza não serei a mesma para sempre!" Clarice Lispector

Textos no arquivo :

Visite meu arquivo .